Consórcio Realiza – Fenabrave: vendas caem 8% em novembro

As vendas de veículos novos registraram uma queda de 8,06% em novembro de 2013, em comparação com outubro. Foram emplacados 288.221 mil unidades e, no acumulado do ano, a queda já soma 1,54 % em comparação com o mesmo período de 2012. Os dados são da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) e levam em conta os emplacamentos de automóveis e comerciais leves.

Entre as marcas, a Fiat segue líder com 21,54% de participação no mercado e 697.760 unidades emplacadas no acumulado do ano, seguida pela Volkswagem, com 605.351 (18,71%) veículos vendidos. A Chevrolet é segue em terceiro com 588.524 unidades vendidas e 18,16% do mercado, na frente da Ford, com 303.523 vendidos e 9,37% de participação, e da Renault, que comercializou 210.525 unidades (6,50% do mercado). No acumulado do ano, o destaque ficou com a Hyundai, que vendeu 190.816 veículos até agora, com uma fatia de 5,89% do mercado em 2013.

Encontre o Consórcio Realiza no ilocal e  faça-nos uma visita !

Já entre os modelos, o Volkswagen Gol permanece na liderança, com 20.363 unidades emplacadas em novembro, seguido pelo Fiat Uno, com 15.854 veículos vendidos no último mês. O terceiro lugar ficou com o Fiat Palio, que emplacou 13.866 unidades. Ford Fiesta e Fiat Siena completam o Top 5, com 12.642 e 11.581 emplacamentos, respectivamente.

Consórcio Realiza – Nova fábrica da Honda fará Fit 2015 e SUV Vezel

Os 15 mil habitantes de Itirapina (SP) estão prestes a ver a pequena cidade do interior paulista crescer com a cerimônia que marcou o início da construção da segunda fábrica da Honda no Brasil, na manhã de hoje (26). Em 2015, a unidade passará a fabricar o SUV compacto Vezel, que usa a plataforma do Fit, e foi apresentado no Salão de Tóquio recentemente.

No mesmo ano, também sairá de lá a nova geração do Fit, que chegará ao mercado brasileiro no final do primeiro semestre do ano que vem, mas ainda produzido na principal fábrica da marca, em Sumaré (SP); posteriormente, a fabricação será transferida. Masahiro Takagawa, diretor da Honda para a América do Sul explica a escolha destes modelos para estrear a plataforma: “a fábrica de Itirapina terá um processo produtivo flexível, então, além do veículo de maior volume, a unidade está preparada para receber o Vezel”.

O terreno de 5.800.000 m² em Itirapina consumirá mais de R$ 1 bilhão em investimentos da Honda na construção, gerando cerca de 2.000 empregos diretos. Mesmo assim, motores, câmbios e peças plásticas continuarão saindo de Sumaré. A capacidade da primeira será a mesma da última: 120 mil carros por ano. Somando as capacidades, a marca terá poderá entregar 240 mil carros anualmente ao mercado nacional.

Esta é primeira vez que a Honda investe numa unidade de produção de automóveis desde 1997, quando Sumaré começou a fabricar uma das gerações anteriores do Civic. Sobre esta demora na expansão da produção nacional, Carlos Eigi, diretor da Honda do Brasil, diz que “nós (da Honda) não investiríamos numa nova fábrica sem demanda para tanto. Agora, a necessidade veio e respondemos”. Eigi ainda afirma que “a cidade tem muito espaço para crescimento, fica próxima à nossa principal fábrica e tem boa disponibilidade de rodovias e fornecedores”.

Veja o Consórcio Realiza no Foursquare !

A respeito de colocar um veículo popular na linha, a exemplo do que fez a concorrente Toyota com o lançamento da linha do Etios, Roberto Akiyama, diretor comercial da Honda Brasil, comenta: “não há planos de lançar um modelo mais barato que o Fit. O nosso foco é trabalhar na oferta atual de modelos”, explica.

26/11/2013 – Thiago Moreno, de Itirapina (SP) / Fotos: divulgação / Fonte: iCarros

Consórcio Realiza – Volkswagen planeja investir pesado em novos modelos

A Volkswagen anunciou os planos de investir US$ 113,8 bilhões (R$ 259,9 bilhões) no desenvolvimento e aprimoramento de novas tecnologias nos próximos cinco anos.
Segundo a marca, uma parte significativa desse montante (US$ 55,6 milhões, ou R$ 127 milhões) será investida no desenvolvimento e produção de novos modelos, além de modelos sucessores em todos os segmentos de sua gama. Outra parte dos fundos também será destinada a lançar uma nova geração de motores que aliam maior desempenho, maior economia de combustível e redução nas emissões de poluentes. A marca também afirmou que pretende continuar investindo no desenvolvimento de motores híbridos e elétricos.

Encontre o Consórcio Realiza no Hagah e faça já uma visita !

25/11/2013 – Redação (Fotos: Divulgação) / Fonte: iCarros

Consórcio Realiza – Novo Golf é vendido com ágio

O novo Volkswagen Golf (foto) foi lançado no Brasil em setembro, porém, quase dois meses depois, o modelo ainda é vendido com ágio em São Paulo (SP), enquanto as versões básicas ou sem opcionais “não existem”. Foi isso que o iCarros apurou junto a algumas lojas da marca na capital paulista.

 

A versão Highline 1.4 com câmbio manual e sem opcionais está saindo, em média, por R$ 71 mil, sendo que o valor de tabela é R$ 67.990. Isso se a loja possuir um modelo nessa configuração, pois a maioria tinha apenas versões com opcionais para pronta entrega. Os prazos para quem quiser esperar pelo carro básico variam de loja para loja, sendo que o menor foi de dez dias numa revenda que possuía o modelo mecânico no estoque, enquanto outra, já com todas as unidades vendidas, foi categórica: “esse carro só ano que vem”.

O mesmo acontece com a configuração GTi, tabelada a R$ 94.990, mas que só é encontrada nas concessionárias na configuração com teto-solar e faróis de xenônio. De acordo com o site da VW, essa configuração sairia por R$ 110.000 sem pintura metálica, mas nas lojas paulistas, a média de preço está na casa dos R$ 118.000.

O novo Golf tem como opções de motorização um 1.4 TSI de 140 cv de potência, com opção de câmbio manual de seis velocidades ou automatizada DSG de sete marchas, e 2.0 TSI de 220 cv de potência com transmissão DSG de seis velocidades (exclusivo do GTi).

Consórcio Realiza é uma Administradora de Consórcios autorizada pelo Banco Central do Brasil

24/10/2013 – Redação (Foto: Divulgação) / Fonte: iCarros

Consórcio Realiza – Presidente da VW anuncia Golf nacional para 2015

Dilma Roussef (à direita na foto) recebeu o presidente da Volkswagen do Brasil, Thomas Schmall (à esquerda), na tarde de hoje (3), no Palácio do Planalto, em Brasília (DF), para oficializar o investimento de R$ 520 milhões do fabricante na planta paranaense de São José dos Pinhais  – o valor adicional será somado aos R$ 8,7 bilhões injetados até 2016 no Brasil, divulgado anteriormente pela marca. O encontro aconteceu cerca de duas semanas após Dilma receber os dirigentes mundiais da Audi, Rupert Stadler, e da Mercedes-Benz, Andreas Renschler, também para formalizar investimentos na indústria automotiva nacional.

Conheça o Facebook Oficial do Consórcio Realiza !

Esta aplicação inicia uma nova fase da Volkswagen no Brasil e prevê a mudança de todo o portfólio da marca no País, que será totalmente fabricado em plataformas globais a longo prazo. Entre diversas ações, o plano da Volkswagen focará na produção nacional da sétima geração do Golf, que começou a chegar às lojas no último fim de semana importado da Alemanha. O veículo sairá da plataforma modular MQB, que também dará origem ao Audi Q3 e ao A3 Sedan.

De acordo com Schmall, a implementação desta plataforma deverá levar, no máximo, dois anos. “O primeiro Golf nacional deverá sair de lá neste prazo. Serão três motorizações; 1.4, 1.6 e 2.0 flex”, disse. Em relação ao preço do Golf baixar, Schmall acredita que somente o mercado vai definir um novo patamar. O executivo comentou ainda que conversou a respeito de futuras tecnologias do grupo Volkswagen com a presidente. “Ela prometeu guardar segredo”, brincou.

Viagem a convite da Volkswagen
03/10/2013 – Anelisa Lopes, de Brasília (DF) / Fotos: divulgação / Fonte: iCarros

Consórcio Realiza – Vendas caem em agosto, mas Anfavea prevê ano recorde

Os números de produção e emplacamentos de veículos novos devem  bater recordes até o final de 2013. É o que afirma a Anfavea (Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores). A previsão é otimista, considerando a queda de 3,8% nos emplacamentos de veículos 0km em agosto: foram 329.143 veículos novos licenciados, contra 342.306 unidades emplacadas em julho. Já em comparação com agosto do ano passado, quando foram vendidos 420.080 veículos, a queda foi de 21,6%. Os dados levam em conta as vendas de automóveis e comerciais leves. Já no segmento de importados, a queda em agosto foi de 2,9% em comparação com julho: foram 62.371 mil unidades vendidas, contra 64.253 em agosto.

Conheça o Consórcio Realiza de Santana !

Com os resultados de agosto em mãos, o presidente da entidade, Luiz Moan, divulgou as novas projeções de crescimento até o final de 2013 e estima que o mercado automotivo nacional irá fechar o ano com alta de 11,9% na produção. Com cerca de 3,79 milhões de veículos produzidos. Já a alta das vendas não deve ser tão expressiva, ficando em 1 a 2% em comparação com 2012. A Anfavea acredita que os emplacamentos podem ultrapassar 3,88 milhões de unidades, configurando o melhor resultado da história em vendas e produção.

 

05/09/2013 – Aline Dumelle (Fotos: Divulgação) / Fonte: iCarros

Consórcio Realiza – Projeção de produção, vendas e exportações serão reajustados

Com volume de 312.300 unidades em produção e de 342.300 veículos em licenciamento, julho registrou um crescimento de 3,7% e retração de 6%, respectivamente, em comparação à junho. Os números foram divulgados pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores). No acumulado de 2013, a produção cresceu 15,8%, enquanto as vendas no mercado interno tiveram uma expansão de 2,9% em relação ao mesmo período de 2012.

De acordo com Luiz Moan, presidente da instituição, foi o melhor julho da história em produção. A melhor notícia, no entanto, diz respeito à nova projeção no volume de veículos exportados, cuja marca aumentou em 75,9% em comparação à julho de 2012. De 420 mil unidades esperadas para deixarem o País em 2013, a expectativa passou a 534 mil.

A alta, no entanto, não reflete evolução da competitividade nacional. “O desempenho das exportações é fruto do aquecimento dos mercados importadores e não reflete melhora da nossa competitividade”, disse. Isso se deve ao volume de unidades enviadas à Argentina, com crescimento de 20% no primeiro semestre. Os outros países também têm apresentado estabilidade no que diz respeito à importação de carros nacionais.

Conheça o Consórcio Realiza de Santana !

E a nova projeção não deve ficar restrita apenas à exportação. De acordo com Moan, a entidade deverá passar novos números de produção e licenciamento para 2013 que, até o momento, deveriam fechar o ano em 3,54 milhões e 3,97 milhões. “Estes novos números ainda não foram divulgados em razão da volatilidade do mercado, mas acredito que no mês que vem já tenhamos um novo posicionamento. Já 2014 será um ano difícil, pois haverá repasse integral do IPI aos preços, além ter Copa do Mundo e eleições. Mesmo assim, também esperamos crescimento”, antecipou.

Subsídio para motorizações ecologicamente corretas – questionado a respeito da intenção da Anfavea em favorecer a comercialização de veículos elétricos e híbridos no mercado brasileiro, Moan explicou sobre o plano da instituição apresentado ao governo: “o consumidor brasileiro não deve ser privado deste tipo de tecnologia. Em uma primeira fase, pedimos a importação com isenção do IPI. E num segundo momento, sugerimos comprometimento na nacionalização de peças e, posteriormente, produção dos veículos”.

 

06/08/2013 – Anelisa Lopes / Foto: divulgação / Fonte: iCarros

CONSÓRCIO REALIZA DE AUTOMÓVEIS

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.